• Videos

Por Prof.Bellio
Em Artigos do Prof.Bellio
jan 6th, 2018
0 Comentários
11 Views

CURIOSIDADES DO MERCADO FINANCEIRO – Mercado de Ações 2

Dando continuidade ao artigo anterior, mais alguns termos do Mercado de Ações.

BOLHA – Gíria usada por economistas para explicar uma alta excessiva de preços, tanto de ativos materiais (como imóveis e terrenos), como de ativos financeiros (como as ações). Essa alta de preços é rápida e contínua, motivada pela grande procura. Porém, como a demanda não se sustenta para sempre, em algum momento a oferta fica maior que a procura, e a bolha se rompe. Aí os preços caem, e provocam prejuízos para quem comprou esses ativos

ESTAR COMPRADO OU VENDIDO – É a posição que os investidores assumem de acordo com suas estratégias e expectativas em relação a uma ação. “Se um investidor acha que o preço de uma ação vai subir, ele assume uma posição comprada (ou seja, compra ações da empresa). Se o preço da ação realmente subir, ele terá lucro. Se, ao contrário, ele acredita que o preço do papel vai cair, pode assumir uma ‘posição vendida’, e vender as ações antes que o preço caia”.

BULL (TOURO) X BEAR (URSO) – Essa figura de linguagem surgiu na Bolsa de Nova York. O touro, quando ataca, joga seu adversário para cima; já o urso derruba seu oponente. Nas Bolsas de Valores, “bulls” são os investidores que compraram as ações e querem que os preços subam; já os “bears” são os que venderam as ações, pois esperam que os preços caiam. Logo, sempre existirá a briga entre o Bull/Touro (comprados) e Bear/Urso (vendidos).

ANDAR DE LADO – Diz-se que a Bolsa “andou de lado” quando a oscilação foi pouco significativa ao longo do dia. Assim, ao avaliar um gráfico, por exemplo, há praticamente uma linha horizontal, sem altos e baixos. Normalmente, variações abaixo de 0,1% no fechamento do Ibovespa (o principal índice da Bolsa brasileira) se enquadram nesta categoria.

Até o próximo. Abs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *